Mateus Müller

Mateus is the guy behind the scenes.

04 Sep 2018

Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux

Quem me conhece há mais tempo, ou me acompanha aqui no Blog e no YouTube, sabe o quanto eu AMO a linha de comando, tanto que já postei diversos vídeos mostrando os comandos no CentOS sem a interface gráfica. Então, na dica _fucking master_ de hoje, vamos aprender os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux.

Entenda porque migrei do BASH para o ZSH

1) TAB

O TAB é simplesmente aquele atalho que não pode faltar no seu arsenal, pois fará você ser muito mais ágil na hora de digitar. Existem duas formas para utilizar ele: Completar e ver opções.

Se estivermos digitando um comando que já existe no nosso sistema, por exemplo o dpkg (no caso do Debian e derivados). Se digitarmos “dpk” e pressionarmos TAB, o terminal automaticamente vai completar para “dpkg”.

Veja no exemplo abaixo que o “ramfs” é completado automaticamente:

Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux
Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux

Além disso, outra forma de utilizar é para obter as opções disponíveis. O mais comum é no próprio gerenciador de pacotes. Veja no exemplo abaixo que obtemos todos os pacotes que começam com “python”:

Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux
Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux

2) CTRL+D

Este atalho tem a mesma função do comando exit, utilizado para finalizar sessões no terminal. No exemplo abaixo eu finalizo duas sessões seguidas até fechar o terminal:

Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux
Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux

3) CTRL+A

Este atalho é bem útil quando você digita comandos muito longos e precisa fazer alguma mudança no começo do mesmo. Faz com que você volte para o começo da linha.

4) CTRL+E

Por outro lado, este atalho faz justamente o contrário do CTRL+A, direcionando o cursor para o final da fila.

5) CTRL+Shift+C

Vou te contar que este atalho em específico eu demorei um pouco para conhecer, acabei criando o hábito de copiar os textos com o mouse mesmo, visto que o CTRL+C dava um break em qualquer processo. Então, se quiseres copiar qualquer texto no terminal, é só usar este comando.

6) CTRL+Shift+V

Como você já deve ter percebido, este atalho cola o que copiamos dentro do terminal.

7) CTRL+U

Pense neste “U” de “Undo”, isto é, ele vai apagar tudo o que escrevemos até ali. É um atalho muito bom, evitando assim aquele “jogo” com o cursor para cima e para baixo para limpar o terminal:

Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux
Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux

8) CTRL+R

Este eu nem diria que é um atalho, mas sim uma função muito interessante que permite realizarmos uma busca por alguma palavra-chave nos comandos que executamos anteriormente (possivelmente o que está armazenado no bash_history):

Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux
Os 10 MELHORES atalhos para trabalhar na linha de comando do Linux

9) CTRL+Alt+F1(2,3,4,5,6…)

Este atalho é um combo que vai até o F12 se não me engano, começando no F1. Basicamente, ele é utilizado para alterar entre as TTY do sistema. Geralmente, você começa no F2. Se pressionar o CTRL+Alt+F1 vai abrir um terminal totalmente no modo texto, caso queira voltar é só pressionar CTRL+Alt+F2 (se não funcionar, vá aumentando o número).

Isso é muito interessante quando se tem de realizar alguma manutenção pelo terminal após dar algum problema na interface gráfica, como, por exemplo, após a instalação de algum driver. Desta forma, você pode reverter a situação usando outra TTY.

10) CTRL+L

Por fim, algo que vai agilizar muito a sua vida na hora de limpar o terminal. Este atalho faz a mesma coisa que o comando clear do Linux. Pode me agradecer depois! 🙂

Espero de coração que você tenha gostado deste artigo!

Não esqueça de nos seguir no Instagram para receber os últimos conteúdos!

Participe dos nossos grupos no Telegram e Facebook! 🙂

 

Veja também:

Se tiver alguma dúvida ou sugestão de conteúdo, por favor, comente!

comments powered by Disqus