Mateus Müller - 4Fasters

Mateus é o idealizador do projeto 4Fasters.

02 Out 2019

6 Dicas para estudar LINUX!

Neste post, vou te dar algumas dicas pessoais que uso para os meus estudos de Linux. Não são somente dicas técnicas em si, mas como monto meu ambiente, materiais que utilizo e tudo mais, espero que goste!

1. VirtualBox

A primeira dica é justamente testar as distribuições e criar laboratórios. No meu caso, utilizo o VirtualBox para isso.

Caso você não saiba, com o VirtualBox você pode criar máquinas virtuais e instalar uma .ISO de qualquer sistema, seja Windows, Linux ou qualquer outro. Veja algumas das minhas máquinas:

6 Dicas para estudar LINUX!

O VirtualBox é interessante para instalar sistemas com interface gráfica!

2. Vagrant

A segunda dica é complementar a dica acima. Uso o Vagrant para facilitar e agilizar a criação de máquinas virtuais. Na maioria das vezes, estou estudando servidores (que não usam interface gráfica), ao qual é muito mais ágil fazer pelo Vagrant.

Veja o vídeo que fiz abaixo para aprender a utilizá-lo:

3. Manuais

Muita gente me pergunta onde eu aprendo coisas sobre Linux, e o que eu realmente mais utilizo são os manuais oficiais dos serviços.

Por exemplo, imagine que quero aprender sobre o Proxy SQUID. Eu sempre digito no Google “squid docs” e ele me retorna o site oficial:

6 Dicas para estudar LINUX!

O mesmo eu faço para qualquer coisa que quero aprender, sempre tento me basear na documentação oficial do produto/serviço. Recomendo dar uma olhada no manual do Bash para aprender sobre a linha de comando.

Por favor, sem vitimização porque está em Inglês. O problema não é o manual em Inglês e sim que você não entende Inglês. Se não conseguir ler, procure uma aula de Inglês urgentemente. Não vamos sobreviver sem Inglês na nossa área.

4. Cursos online

Sim, além de instrutor de cursos online, eu também sou aluno. São raros os cursos online que eu faço, mas os que eu já fiz, recomendo fortemente.

Sugiro os seguintes sites:

5. Comunidade

Postar as dúvidas na comunidade Linux, podendo ser:

6. Logs

Quando você enfrentar qualquer tipo de problema, antes de procurar coisas aleatórias no Google, tente entender o que está acontecendo por meio da leitura de logs do sistema.

Todos os logs ficam dentro do diretório /var/log. Isso não se aplica somente a servidores, mas também para problemas do dia a dia, tudo fica registrado.

No momento que você lê os logs e entende o que está acontecendo, automaticamente está aprendendo muito afundo o uso do Linux.

Espero que tenha gostado destas dicas!

Me siga no Instagram onde eu faço conteúdos da minha rotina diária.

Participe dos nossos grupos no Telegram e Facebook! 🙂

Se tiver alguma dúvida ou sugestão de conteúdo, por favor, comente!
comments powered by Disqus